quarta-feira, 27 de maio de 2015

Condição

Não tenho eu como ser normal
se não tem escola pra normalidade
num contexto onde o pseudo social
esta integrado á uma boçalidade!

Não tenho eu nenhuma obrigação
como ser medíocre em me aceitar
apenas e porque a atual situação
se aceita a não luta nada pra mudar!

Não tenho eu cá em mim obrigação
nem mesmo a menor condição
de aceitar parte da mediocridade

como se eu neste caso de aceitação
quisesse ser igual em oportunidade
longe do silêncio que me dá felicidade!

Nenhum comentário:

De Victor Hugo a Frejat

Soneto I Eu lhe desejo de todo coração que você seja muito, muito feliz, que seja o dono de sua emoção e no amor...