Páginas

sexta-feira, 8 de maio de 2015

A poesia em mim

Quando a poesia dentro de mim insiste
meu enamorado eu deixa de gritar
por perceber e ver que se ela insiste
tal existir define o meu bem estar!

Quando  poesia dentro de mim insiste
meu apaixonado eu deixa de chorar
por ver que se ela em mim persiste
este persistir me faz viver e acrediar!

Quando a poesia dentro de mim insiste
vejo que um mundo novo também persiste
e ao persistir me faz querer acreditar

que pelo meu viver a poesia existe
e este existir me faz bem viver e amar
a arte que em mim se eterniza num olhar!

Nenhum comentário: