terça-feira, 7 de abril de 2015

Todas as manhãs

Todos os dias, todas as manhãs
a poesia vem a mim acordar
dizendo que a felicidade é minha fã
e nada no mundo vai nos separar!

Todos os dias, todas as manhãs
a poesia vem a mim despertar
dizendo que a prosperidade é irmã
e que sempre vai me apoiar!

Todos os dias, todas as manhãs
a poesia vem a mim acordar
sempre feliz em me despertar

dizendo que a felicidade é minha fã
por ter a prosperidade com irmã
e que tudo de bom vai chegar!

Nenhum comentário:

Sozinhos na multidão

Sozinhos na multidão vivemos cada vez mais isolados, no século da comunicação não percebemos quem está do l...