Páginas

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Fim de tarde

A brisa fria do fim de tarde
traz uma certeza ao coração
num beijo doce de fina saudade
do toque suave de suas mãos!

A lua que a distância se anuncia
como uma foto de rara felicidade
revela ao mundo que o poder da poesia
é refino de coração com suavidade!

A brisa fina e fria do fim de tarde
traz esse cheiro doce de capim
e eu sinto a falta do eu de mim

no tempo em que a felicidade
é e sempre será mais forte que a maldade
que hoje atropela nossos jardins!

Nenhum comentário: