quarta-feira, 11 de março de 2015

Mil desculpas

Eu posto música romântica,
pergunto como ela está,
falo de filosofia quântica
e ela sempre a me ignorar!
Um dia eu tomo uma cerveja
ou quem sabe, antes, tome vergonha,
peça licença na igreja
e vá embora sem cerimônia!
Amor é uma via de mão dupla,
onde um ama não pode haver culpa
e meu maior defeito é ainda acreditar
que por este amor invento mil desculpas
sem que me entregue tristemente a chorar,
se não me ama eu não deixo de me amar!

Nenhum comentário:

Intimidade com Deus