quarta-feira, 2 de julho de 2014

Frida Kahlo

Sua dor, sua cor, seu desespero
que a qualquer um desanimaria
ou mesmo fazendo tremer de medo,
foi se retratando em seu dia a dia!
Uma mulher, uma referência, uma dor
que se fez em presença física
teve como registro a forte dosagem de cor
tinta e cor  que em um corpo doía!
O seu maior desejo foi a noite aumentar
para poder enchê-la de muitos sonhos
esperando ter uma partida feliz
com a certeza de nunca mais voltar
pois sua dor tinha um efeito medonho
que poucas vezes foi vista a sorrir!

Nenhum comentário:

Sonho real