Páginas

terça-feira, 24 de junho de 2014

Porto solidão

Sentado na praia observando á distância o porto
contrastando com a beleza verde azul do mar
se ainda não estou completamente morto
é por que espero o dia em que você vai voltar!
As gaivotas mergulham a minha frente
sem verem o tamanho de minha emoção
que desenho na areia distraidamente
tentando disfarçar a dor deste porto, solidão!
A imensidão verde azul deste mar
me mantém vivo até você voltar
mostrando a dor neste porto em imensidão
que estando vivo me vejo morto a chorar
prisioneiro absorto nesta doce emoção
que para muitos é um porto para mim é solidão!

Nenhum comentário: