terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Querida

Em cada verso que faço
Tem um pouco de você,
E isto não me faz esquecer
A origem de meus passos!
Em cada palavra escrita
Há uma realidade que é sua,
E nem a força da lua
É maior que a emoção que me agita!
Em cada carinho que dou
Percebo que sou você,
E isso só me faz ver...
Que no rumo em qual vou
Só algo importa na minha vida,
E é o seu calor em mim, Querida!

Nenhum comentário:

De Victor Hugo a Frejat

Soneto I Eu lhe desejo de todo coração que você seja muito, muito feliz, que seja o dono de sua emoção e no amor...