quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Paz, carinho e guarida

Quando  finalmente ela adormeceu
no calor dos meus beijos e abraços
o mundo em mim renasceu
na imensidão do infinito espaço!
Por um breve e doce instante na vida
contemplei a breve história do tempo
onde o amor gera paz, carinho e guarida
na eternidade de um bom sentimento!
E enfim, quando ela adormeceu
no calor dos meus beijos e abraços
por um breve e doce instante na vida
o mundo em mim mais uma vez renasceu
na imensidão de um infinito espaço
onde o amor gerou paz, carinho e guarida!

Nenhum comentário:

De Victor Hugo a Frejat

Soneto I Eu lhe desejo de todo coração que você seja muito, muito feliz, que seja o dono de sua emoção e no amor...