Páginas

sábado, 11 de maio de 2013

Falta de opção

Depois que você aqui me deixou
sem a menor dó ou consideração
ser feliz foi que apenas me motivou
simplesmente por pura falta de opção!
Não tenho que ou do que reclamar
afinal a porta ali já estava aberta
e fui obrigado a então libertar
a minha sonhadora alma de poeta!
E hoje apenas lamento por você
pois tive que por fim aprender
por mera, pura e rara falta de opção
estar feliz era o que eu podia fazer
enfim renasci para iluminar a escuridão
e só podia fazê-lo com a força do coração!

Nenhum comentário: