Páginas

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Sampa

Este amor que sempre tenho por você
Vem de longe onde não alcança a vista
E me faz saudosisticamente lhe querer
Desde o Ibirapuera até a Avenida Paulista!

Este amor que sobrepuja até minha alma franca
Faz-me correr a pé pela Avenida Rebouças,
Indo sentido o Parque do Água Branca
Mostrando que a cidade e esta paixão são loucas!

E nem por isso desisto de muito procurar por você
Em toda a região leste passando pelo Brás e Vila Maria
Por sentir na Sé o mundo no qual não tenho problemas

Pois este amor me faz sempre renascer
Por esta vida de sonhos, amores e poesia
Levarem-me desde a Lapa até a Vila Madalena!

Nenhum comentário: