quarta-feira, 17 de outubro de 2012

A verdade.

Eu sou apenas um que vaga
em busca de seu apoio, sua mão
aquele que ao vinho traga
tentando clarear a ilusão;

eu sou apenas um que se desencanta
com tanto horror, vilania e torpeza,
aquele cujo grito preso na garganta
não mostra a dor do ser com clareza;

eu sou um que busca a solução
dentro de um mundo de ilusão
que não clareia nem esclarece

enquanto o mundo tenta me jogar no chão
a minha mente não se ilude, nem se entorpece
por que quem viu a verdade nunca a esquece!

Nenhum comentário:

Andarilho