terça-feira, 3 de julho de 2012

Sorriso.


Neste país de contrastes,
No qual tudo é permitido,
Todos são cabeças de bagre,
Menos o presidente e o palhaço Pirulito!


Nesta terra de ninguém,
Onde ladrões controlam o país,
O povo paga muito mais além
Do que seu voto infeliz!


Nesta terra de futuro,
Onde crianças se matam
Numa guerra insana e louca,


É fácil perceber que os corruptos,
Numa corja de bandalhas,
Têm um enorme sorriso na boca!

Nenhum comentário:

Andarilho