terça-feira, 26 de junho de 2012

Tesão

Não posso amar o amor proibido
Porque proibido aumenta a tesão,
Que desperta a libido
E provoca a tentação!
Não posso esconder o sentimento
De quem ama o amor desta mulher
Com tal fúria e desprendimento
Que por amar se julga o que não é!
Amo, sinto e é certo
Que o que sinto é proibido,
Mas como enfrentar a dúvida...
Sem correr perigo,
Desejando algo tão perto
Que traz amor e sentido à vida?!

Nenhum comentário:

Andarilho