Páginas

domingo, 17 de junho de 2012

Todos os meus caminhos

Todos os meus caminhos
Levam-me ao redentor.
Todas as pedras e espinhos,
Enfrento-os com amor!
Todos os meus dias são iguais,
Eu é que sou diferente,
Pois trabalho em busca de paz
Por toda a minha gente!
Em todos os meus caminhos
Havia uma pedra colocada,
De modo a me impedir,
Mas hoje não estou mais sozinho,
Nem minha mão está quebrada,
Porque eu tenho a quem seguir!

Nenhum comentário: