Páginas

segunda-feira, 25 de junho de 2012

O último beijo.


Amargo feito fel,
Triste qual a morte,
Misterioso feito um véu 
E carregado de má sorte!


Foi tudo que senti
Na última vez que te beijei.
Para ser sincero até morri 
E nunca ressuscitei!


Ah! Como eu queria
Realizar os meus desejos 
Recuperando a alegria,


Realizando o que almejo, 
Estancando esta agonia 
Para esquecer seu último beijo!

Nenhum comentário: