terça-feira, 26 de junho de 2012

Não me procure além

Não me procure no mar,
Pois só tenho forças para chorar.
Não me procure na vida,
Porque é imensa minha ferida!
Não me procure ali,
Faz tempo que me perdi.
Não me procure além,
Não sou visto por ninguém!
Não me procure no porto,
Na certa estarei morto.
Não me procure assim...
Porque nada se sabe sobre mim!
E se acaso precisar de alguém,
Por Favor! Não me procure além!

Nenhum comentário:

Andarilho