domingo, 24 de junho de 2012

Tabuleiro

Meu bem, o rei está desprotegido
E a rainha está encurralada,
Todo mundo confiou no bispo
E ele armou esta cilada!
Todos os cavalos do reino
Foram contrabandeados com o ouro
Do qual ninguém sabia o paradeiro,
E nos passaram para trás de novo!
Agora temos que parar
Para olhar para o povo,
Pois ele nos considera os primeiros,
Porque na arte de enganar
Só é descoberto o roubo
Para quem perde o controle do tabuleiro!

Nenhum comentário:

De Victor Hugo a Frejat

Soneto I Eu lhe desejo de todo coração que você seja muito, muito feliz, que seja o dono de sua emoção e no amor...