Páginas

domingo, 24 de junho de 2012

Eu preciso escrever.


Eu nem devia começar, 
Mas para que eu possa esquecer 
Algo que está a me torturar,
Eu preciso escrever!


Pois colocando no papel,
Saíra de meu coração 
Um gosto amargo de fel
Que corrói minha razão!


Não vou me embriagar
Nem gritar ao universo
Que tenho forças para viver, 


Mas eu posso desabafar
Ilustrando meu verso
Porque eu preciso escrever!

Nenhum comentário: