domingo, 24 de junho de 2012

Diante das estrelas


Você que é sempre feliz,
E feliz é poder vê-la,
Pois o mundo ganha matiz
Diante de estrelas!
Você é só alegria
Num mundo triste e vulgar.
Seja de noite ou de dia,
É sempre bom lhe encontrar!
Você sim sabe ser 
O que de bom posso sentir
Na correria diária e chata.
Que vale a pena querer
Para enfeitar meu sorrir,
Por que é você quem me mata!

Nenhum comentário:

Andarilho