sábado, 16 de junho de 2012

Condenado a esquecer

Eu pensei que conseguiria
levar esta dor comigo
e fazer desta agonia
a sombra de meu sorriso!
Eu pensei que a levaria
por sobre o céu e a terra.
Pensei até que conquistaria
a paz como uma quimera!
E de repente veio você
feito sol e a lua
em um dia de domingo
e fui condenado a esquecer
que minha alma estava nua
e se sentir me peguei sorrindo!

Nenhum comentário:

Se reinventa