Páginas

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Canceriano sem lar

Minha alma canceriana
Geme e chora de dor,
E não sente a força da chama
De quem me tem ardor!
Minha alma canceriana canta e chora,
Independentemente da emoção,
E minha mágoa não tem hora,
Tampouco motivação!
Minha alma canceriana está
Sempre triste e contente,
Correndo atrás de algo diferente
Que ela sabe que não vai encontrar,
Mas insiste em ir em frente
Por ser eu um canceriano sem lar!

Nenhum comentário: