terça-feira, 21 de novembro de 2017

Sozinhos na multidão






























Sozinhos na multidão
vivemos cada vez mais isolados,
no século da comunicação
não percebemos quem está do lado ...

sozinhos na multidão
embrenhamos na angústia eterna
por sermos vítimas da própria solidão,
mal que carregamos desde as cavernas ...

sozinhos na multidão
andamos com um smartphone na mão
sem vermos quem está ao nosso lado

teclando com alguém lá no Japão
como se fosse o maior chegado
enganando o fato que continuamos isolados!

Sozinhos na multidão
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

Disparates











































Aquele que tem o dom da Arte
tem que se preocupar
para não fazer um desastre
quando pretende fascinar ...

aquele que ama a Arte
precisa fazer uso do raciocínio
para não dar privilégios aos disparates
dos que não tem tirocínio ...

os verdadeiros amantes da Arte
não facilitam o trabalho de Marte
dividindo os amigos e o social

criando ou protegendo disparates
que criados com o intuito do mal
só querem impetrar mais ainda o caos!

Disparates
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

Sem resultado







































Você pode ter lido a Bíblia,
decorado o Alcorão,
decifrado a Doutrina Espírita,
lido Universo em desencanto á exaustão ...

você pode ter traduzido Pergaminhos,
percebido a verdade dos Papiros,
saber o segredo das pedras no caminho,
feito meditação nos Retiros ...

pode ter feito o Caminho de Santiago,
percorrido a Rota de Aparecida,
consultar Runas, Búzios e Cartas

mas, se não tiver se dedicado,
qualquer que seja o segredo da vida
sem gratidão e alegria você não tem nada!

Sem resultado
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

Mais e mais poesias






































leia mais e mais poesias,
aprenda com os grandes mestres,
viva feliz em harmonia,
se você quiser você consegue ...

leia mais e mais poesias,
viva em paz e mais contente
seguindo a lei da gratidão e alegria
mundando tudo em sua mente ...

leia mais e mais poesias
criando luz e cor nos seus dias
fortalecendo assim a sua mente

nas vias doces da gratidão e alegria
que transforma tudo o que você sente
evoluindo até aquilo que em que pense!

mais e mais poesias
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

Se dane


Empresários sem escrúpulos,
políticos párias da sociedade,
representantes das igrejas e seus discípulos
ferindo o decoro e a moralidade ...

celebridades carentes de holofotes,
sindicalistas nas caixas das empresas,
líderes vendidos de Sul ao Norte
degustam caviar na mesma mesa ...

representantes do povo vendidos,
corruptos agindo em nome dos partidos
usam Christian Dior e Armani

fazendo discursos ao povo omisso e sofrido
que paga caro o preço do Champanhe
pois, todos querem é que o mesmo se dane!

Se dane
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

Enganos



Já troquei muitos seis por meia dúzia,
já amei pensando ser amado,
já reagi com malícia e astúcia
quando na realidade estava sendo enganado ...


já estendi as mãos para ajudar,
dizendo pra mim mesmo que era o certo,
a quem estava a me apunhalar
porque não merecia nenhum ser humano por perto ...

já votei em alguns políticos
por indicação de colegas e amigos
e o cidadão só o que fez foi roubar e roubar

mostrando a todos o quanto é cínico
e isto é causa de não sabermos votar
pois, eles nem se esforçam mais pra nos enganar!

(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

domingo, 19 de novembro de 2017

Além das dores e feridas








































Há quem diga que existem rosas
espalhadas ao longo dos caminhos,
há quem só veja coisas horrorosas,
dores, mágoas e muitos espinhos ...

há quem diga que existem flores
florindo ao longo das estradas
mas, há também quem só veja horrores,
muitas decepções, tristeza e mágoas ...

não sei exatamente o que dizer,
não tenho como mudar as maneiras de ver
só sei que no vagar devagar de minha lida

também vi muito do que não queria ver
porém, sempre foquei as minhas vistas
para enxergar além das dores e feridas!

Além das dores e feridas
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

sábado, 18 de novembro de 2017

Por gentileza




























Seja mais gentil, por gentileza,
abra mais as portas e sorria,
oriente os que precisam de firmeza
nos caminhos da gratidão e alegria ...

seja mais gentil, por gentileza,
fale num tom de voz mais suave,
se perguntarem responda com clareza,
torne as coisas a sua volta menos graves ...

cumprimente olhando nos olhos,
ouça suas músicas sem abalar o solo,
atenda aos que puder com presteza

sem ferir os egos ou gerar terremotos,
faça da vida um viver com mais leveza,
e por favor, seja mais gentil, por gentileza!

Por gentileza
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Bagagens


Nesses tempos de ódio
é bom andar amado
sem esquecer que Deus é nosso sócio
e sempre esteve conosco lado a lado ...

nesses tempos de mágoas e rancor
é bom andar amado
lembrando que Deus é amor
e está assim lado a lado ...

nesses tempos de mágoas e sofrimentos
é bom desarmar os pensamentos
e alimentar as mentes com harmonia

para que renasçam os bons sentimentos
e possamos sorrir todos os dias
tendo por bagagens gratidão e alegria!

Bagagens
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

O verme e o pé



O verme ama por demais o pé,
ama-o tão sôfrego e apaixonadamente
feito um sacerdócio, uma profissão de fé
que abandona a si e ao que sente ...

o verme ama por devoção o pé,
ama-o tão servil e desesperado
que chega a esquecer exatamente quem é
apenas pelo privilégio de se sentir pisado ...

o verme não ama a si como ama ao pé
como se num sacerdócio de profissão de fé
pudesse ignorar a vida na qual vaga

esquecendo tudo aquilo que realmente é
para viver doentiamente feito uma praga
a certeza de que o verme ama o pé que o esmaga!

O verme e o pé
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Privilégio do silêncio






Se não tem nada de bom a acrescentar
dê o privilégio ao silêncio,
o mundo tem gente demais a reclamar,
os alimentadores do sofrimento ...

se não tem nada de bom pra dizer
apenas cale-se e observe
talvez venha até a perceber
que dor nenhuma ninguém merece ...

se não tem nada de bom a acrescentar
o melhor vai ser então se calar
dando o privilégio ao silêncio

e assim muito pelo mundo fará
conseguindo ter bons e melhores pensamentos
que poderão fluir através dos sentimentos!

Privilégio do silêncio
(Mauro Antônio €varisto)
Curta @poetamauro
Siga @feradapoesia

Sozinhos na multidão

Sozinhos na multidão vivemos cada vez mais isolados, no século da comunicação não percebemos quem está do l...